Sistema de direção

Funcionamento e detalhes do Sistema de Direçãosistema de direção

O Sistema de Direção tem como principal função transmitir o movimento de rotação do volante a caixa e colunas de direção, fazendo com que as rodas e pneus girem em torno de seu eixo, resultando no movimento do carro. Todo o processo de levar a rotação do volante para as rodas é realizado por diversos componentes que trabalham junto com o sistema de suspensão para que o veículo ande em pisos com os diversos tipos de irregularidades.

Principais componentes do sistema de direção:

Volante de direção: Peça indispensável em veículo, é o primeiro componente do sistema de direção, sendo controlado totalmente pelo motorista.

Coluna de direção: É peça responsável para levar o movimento do volante de direção até a caixa de direção. Em alguns modelos de veículo esta peça permite um ajuste do volante em relação ao motorista, trazendo mais conforto para o ato de dirigir.

Caixa de direção: Recebe a rotação do volante através da coluna e transforma em um movimento retilíneo.

Barra de direção: É o nome dado aos componentes que saem da caixa no sentido das rodas. Apresentam forma articulável para que seja possível acompanhar a suspensão. Há também uma espécie de coifa de proteção para evitar possíveis contaminações aos elementos internos.

Terminal de direção: Esta peça parece o pivô da suspensão e é ligada no montante de roda. As barras de direção são rosqueadas neste componente.

Tipos de sistemas de direção

  • Sistema de direção hidráulica

É o sistema mais utilizado nos carros que circulam no Brasil. A direção fica mais leve devido a uma bomba que faz circular o óleo dentro da caixa de direção. Essa lubrificação auxilia o motorista na hora das manobras.

O bombeamento do óleo é impulsionado pela força do motor. Ou seja, só funciona com o carro ligado. O sistema precisa de manutenção periódica, conforme recomenda o manual do proprietário de cada carro. É recomendável a troca do óleo da direção hidráulica a cada 50 mil KM ou pelo menos uma vez por ano.

Manutenção da direção hidráulica

Um dos maiores problemas no sistema de direção hidráulica são os vazamentos que ocorrem principalmente nas mangueiras de baixa e alta pressão e na caixa da direção hidráulica. Eles ocorrem, na maioria dos casos, pela falta de substituição do fluido hidráulico.

O motorista também deve checar regularmente o nível do reservatório. Se o óleo estiver acima ou abaixo do nível, a direção ficará pesada. Além da troca do fluido hidráulico é importante fazer o alinhamento e a troca da correia do motor que aciona a bomba hidráulica.

  • Direção eletrohidráulica

Seu funcionamento é similar ao da direção hidráulica. Ou seja, a direção fica mais leve devido ao óleo tocado por uma bomba. A diferença é que essa bomba é acionada por um dispositivo elétrico e não pelo motor do carro. Isso evita a perda de potência do carro. O sistema também precisa de manutenção periódica, acompanhamento do nível de óleo e troca do fluído nos prazos recomendados pela montadora.

As mesmas precauções recomendadas para a direção hidráulica, valem para a direção eletrohidráulica.

  • Direção elétrica

Nesse sistema existe um motor elétrico junto à caixa de direção para auxiliar seu braço e deixá-la mais leve. Ele é mais prático porque não precisa da tradicional bomba hidráulica e do fluído de óleo que são usados nos sistemas de direção hidráulica. O único problema que pode ocorrer é pane no sistema elétrico. Se isso acontecer, porém, a direção ficará pesada, mas não irá travar. O motorista seguirá com o controle do carro.

A direção elétrica oferece algumas vantagens, como:

  1. Os movimentos da direção são acionados por um sensor, tornando a dirigibilidade do carro mais confortável para o motorista;
  2. O motor, que sofria com os sistemas antigos, não tem perda de potência e nem desgaste das peças;
  3. A direção elétrica é ecologicamente correta, pois não utiliza óleo.
  4. Poucos ruídos, tanto internos como externos.

Manutenção da direção elétrica

Caso a direção elétrica pare de funcionar, ela ficará dura, mas o motorista continuará tendo controle do veículo. É importante que nas manutenções regulares seja feita uma análise dos sensores e atuadores de direção elétrica.

Dica AUTO REPAR

O mecânico não pode esquecer de verificar todo o sistema para que o veículo atinja o máximo do seu potencial e consiga mais estabilidade. Além disso, com o sistema em más condições, pode haver prejuízo nos pneus, rolamentos, suspensão e outros. Precisa de manutenção do sistema de direção em seu carro? Venha realizar uma inspeção da suspensão na sua oficina AUTO REPAR.


Seu veículo apresenta algum dos problemas acima?

Traga hoje mesmo para Oficina AUTO REPAR!

Deixe seus dados que entraremos em contato

Obs. Coloque no campo "Assunto" o serviço desejado. Ex: Sistema de direção

    WhatsApp chat