Pintura Geral em Estufa

Serviços especializado com qualidade

Estufa Pintura

Pintura automotiva exige mão de obra qualificada e equipamento específico. E em se tratando de carro, a pintura não é tão simples como passar um pincel com a tinta na lataria. O melhor a fazer é levar o veículo até uma oficina de confiança e ficar atento a alguns cuidados.

Importante verificar se a tinta utilizada é de qualidade. Uma vez que produtos de marcas duvidosas podem se desgastar em pouco tempo. A qualidade do verniz também deve ser analisada com cautela. No mercado há tipos de verniz que duram até dez anos e outros só um.

Outro cuidado importante na hora de pintar o carro é certificar-se de que o local em que isso será feito é apropriado para o serviço. O ambiente tem que ser apropriado para evitar que qualquer poeira grude no carro. É importante destacar que se a sujeira ou o pó grudarem no veículo durante a execução do serviço, o resultado final poderá ficar comprometido e com imperfeições.

Cabine de pintura

A cabine de pintura, conhecida em algumas regiões como estufa ou câmara de pintura, é um equipamento utilizado para obter qualidade e agilidade no processo de pintura de automóveis, peças e outros.

Esse equipamento impede que ciscos ou poeiras presentes no ambiente assentem sobre a peça conferindo qualidade muito superior à pintura.  Como também impede que os resíduos de tinta pulverizada no processo de pintura sejam dispersos no ambiente poluindo o ar.

Entendendo o passo a passo da pintura automotiva

Preparo da superfície
Cada tipo de superfície exige uma preparação diferente: se for aplicar a tinta sobre uma superfície que já possui tinta é uma preparação. Se a superfície está lixada, é outra. E, se a peça é nova, os cuidados são diferentes.

Esta fase de preparo da superfície é muito importante para dar aderência ao material que será aplicado. Durante a aplicação da massa é importante não deixar marcas de lixa: elas estarão presentes até o final do processo e evidenciarão que o carro sofreu uma repintura.

Depois da aplicação da massa, será necessário remover toda e qualquer impureza como gorduras, poeiras, produtos químicos derivados de petróleo. A superfície tem que estar absolutamente seca, limpa e lisa.

Aplicação do primer

Essa parte é importante para proteger a chapa e facilitar a aderência da tinta. Nas fábricas, ele é aplicado submergindo a carroceria em um grande tanque, para que nenhum ponto fique descoberto. Nas oficinas isto é feito através da pistola de pintura e exige muita atenção para cobrir igualmente toda superfície da chapa.

Acertar a tinta

A tinta que a loja vende nem sempre é igual a do seu carro: não basta pegar o nome ou o código da cor, será preciso acertar a tonalidade. Para ajustar a cor, precisa-se de um colorista, que é profissional especializado. Ele pegará uma peça do seu carro como amostra, a tampa do tanque de combustível, por exemplo, e, baseado nela, fará uma mistura com pigmentos de outras cores, objetivando igualar a tonalidade original. Isso evita que seu carro fique com duas cores ou uma peça mais clara que a outra..

Verniz

Não pense que o verniz vai esconder algum defeito que tenha ficado dos processos anteriores. O verniz não esconde nada, ele apenas protege e dá brilho, portanto, se algo saiu errado na pintura, é melhor esperar secar, lixar e começar tudo novamente.

Existem vários tipos de tintas e vernizes com aplicações e secagens diferentes, e a  mistura e diluição deste só com profissional qualificado. Lembrando que estes produtos não são baratos e, para aproveitar a qualidade do material, é preciso seguir à risca as informações do fabricante.


Seu veículo precisa de serviço de pintura?

Traga hoje mesmo para Oficina AUTO REPAR!

Deixe seus dados que entraremos em contato

Obs. Coloque no campo "Assunto" o serviço desejado. Ex: Pintura

    WhatsApp chat